ELEIÇÃO 2020: quem se dá bem na rede social?

Facebook
WhatsApp
LinkedIn

QUAIS CANDIDATOS CONSEGUEM SE ENGAJAR COM ELEITORES NO FACEBOOK?

Por Vinicius Lousada

Com a ampliação do acesso à internet, o que restou das diretrizes para o distanciamento social e a consolidação das redes como fórum de discussão política – ao menos para a parcela dos eleitores mais apaixonados –, as Eleições de 2020 já podem ser consideradas como as mais digitais da história, ao menos entre as disputas em âmbito municipal.

Mas como tem sido o desempenho dos candidatos e das candidatas à Prefeitura de Bauru em relação ao engajamento com seus potenciais eleitores?

A maioria deles está no Instagram; alguns, no YouTube e no Twitter, mas praticamente todos mantêm páginas no Facebook – a mais popular no Brasil e com alcance mais amplo em termos geracionais e socioeconômicos.

A rede permite a verificação da quantificação do engajamento das publicações das chamadas “fan pages”. Esse engajamento engloba curtidas, comentários, compartilhamentos e visualizações de fotos e vídeos, que, é claro, não se materializam necessariamente em votos.

Nas grandes metrópoles, por exemplo, os líderes no envolvimento de internautas nas redes não aparecem no topo das pesquisas de intenção de voto.

O ranking do engajamento, contudo, não deixa de ser um parâmetro e serve também para acirrar ânimos e despertar curiosidades – afinal, este também é um dos papeis do jornalismo.

Outro aspecto: tanto um comentário de apoio quanto o de um xingamento contabilizam para o engajamento da página de um candidato.

O quantitativo, portanto, nem sempre está associado a suposta grande aceitação do postulante ao Palácio das Cerejeiras.

ENTENDA OS DADOS

Para quem não está tão habituado ao mundo digital, a unidade de medida para o engajamento é o “K”, que é nada menos do que a escala de “mil”. Ou seja: um candidato com engajamento de 10K conquistou 10 mil reações, comentários, compartilhamentos e/ou visualizações, ao longo da última semana.

Outro dado que as ferramentas de transparência do Facebook fornece é o quanto cada candidato gastou para impulsionar conteúdo nas redes na última semana. Ou seja: o quanto pagou para que suas postagens chegassem a um maior número de pessoas, inclusive não seguidores. Veja no Info

Os dados sobre impulsionamento trazidos nessa reportagem são relativos ao período de 19 a 26 de outubro – a última atualização disponível até esta quarta-feira.

Gazzetta e Suéllen no topo

Candidato à reeleição, Clodoaldo Gazzetta (PSDB) atingiu o maior engajamento total nos últimos sete dias, com Suéllen Rosim (Patriotas) colada.

Ele perde para a jornalista, porém, quando se avalia a relação entre engajamento e número de posts. Nesse quesito, o novo tucano também fica atrás de Edu Avallone (Republicanos).

O que isso quer dizer: para atingir tal volume de interações, o prefeito precisou fazer um número bem maior de publicações do que Suéllen; 40 x 16.

Por outro lado, ambos contam com número maior de seguidores do que Gazzetta e investiram mais recursos em impulsionamentos do que o atual prefeito.

Também pesa contra o candidato do PSDB uma breve análise qualitativa dos comentários em sua página no Facebook – fator até que natural por ocupar a cadeira do Palácio das Cerejeiras.

Em suas postagens, são muitas as reações de ironia (o famoso ‘HAHA’) e comentários críticos, ácidos, desconfiados e até mal-educados.

Já Suéllen, por outro lado, reúne muitos seguidores da região, que lhe acompanhavam nos tempos da TV Tem, mas que, efetivamente, não impactarão no resultado das urnas em Bauru.

Líder na pesquisa é quarto no Facebook

Dr. Raul (DEM) desponta como líder isolado na única pesquisa de intenção de votos registrada e já divulgada até o momento, de responsabilidade do instituto Real Time Big Data. Mas o candidato, que já concorreu à Prefeitura em 2016, não consegue repetir o desempenho no Facebook.

Atrás de Gazzetta, Suéllen e Avallone no engajamento total, não conseguiu, na última semana, superar a marca da média de 1K por postagem e tem na sua cola Sandro Bussola (PSD), último dos postulantes que obteve mais do que 10K ne engajamento total no período analisado, mesmo investindo mais do que o atual vereador e até mesmo do que a candidata do Patriotas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima