Escolhendo o fundo de previdência

Facebook
WhatsApp
LinkedIn

Detalhamos até agora, como a previdência privada é um veículo de investimento que pode trazer resultados interessantes, por conta de suas características tributárias.

 

Porém, como um modal de investimento de longo prazo, a rentabilidade é um ponto de atenção. Para isso temos que falar dos fundos de investimento.

 

O que é um fundo de investimento?

 

Um fundo de investimento é um conjunto de ativos, geridos por uma empresa especializada (gestora de recursos) com o objetivo de gerar retorno ao investidor.

 

Quais são os tipos de fundos de investimento?

 

Podemos classificar os fundos de investimento em três grandes grupos, com base em seu risco:

 

  • Fundos de Renda Fixa: São o tipo de fundo de investimento com o menor risco possível. Investem em títulos de dívidas de bancos, governos ou empresas. Estes fundos tendem a oscilar muito pouco e ter retornos mais constantes. Em contrapartida tem um menor de retorno.
  • Fundos Multimercado: São o tipo de fundo de investimento que, em geral, possui um risco mais moderado. Podem investir em todo o tipo de ativo, de renda fixa às ações, moedas e commodities. Existem fundos multimercados de vários níveis diferentes de risco. Em contrapartida, seu retorno esperado é maior do que o fundo de renda fixa.
  • Fundos de Ações:  São o tipo de fundo de investimento com o maior nível de risco. São geralmente focados exclusivamente em participações em empresas listadas em bolsa de valores. Sua oscilação é consideravelmente maior do que os outros fundos apresentados, porém, seu retorno esperado é também o maior de todas as classes.

Como escolher um fundo de investimento?

A escolha de um fundo de investimentos passa diretamente por duas variáveis: o prazo de investimento e o perfil do investidor.

Em geral, produtos de maior risco tendem a ter uma performance mais positiva no longo prazo. Assim, quanto maior for o prazo de investimento, mais risco é possível adicionar no portfólio do investidor.

Porém, um dos princípios dos investimentos é ter conforto de que o seu dinheiro está bem investido. E para isso, é necessário que o produto esteja adequado ao perfil. Um investidor conservador não deveria ter um fundo de ações, mesmo que o seu prazo de investimento seja longo.

 

A escolha de um fundo de investimento é complexa, visto que existem nuances dentro das classes supracitadas.  É por isso que o serviço de assessoria de investimentos, como o da Copaíba Invest, é tão importante, para te guiar pelas escolhas que fazem sentido para seu perfil, objetivo e tributação.

 

Em nossa próxima postagem trataremos dos custos que podem estar embutidos no plano de previdência, e como evitá-los. Vamos juntos? Até!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima