COLUNA CANDEEIRO 25092020 NELSON ITABERÁ

N. 139 Bauru atinge total de 100 mil doses contra Covid e Prefeitura acena com retomada do Castramóvel

Facebook
WhatsApp
LinkedIn

N. 139 BAURU CHEGA AO TOTAL DE 100 MIL DOSES CONTRA COVID E PREFEITURA ACENA COM RETOMADA DO CASTRAMÓVEL

 

CASTRAMÓVEL 

O governo municipal acenou com a retomada dos serviços de castração nos bairros. O Castramóvel parou em março de 2020, em razão da pandemia. E a posição inicial da Secretaria de Saúde era de que a produtividade (escala de profissionais e quantidade de procedimentos) é maior se o serviço for realizado direto no CCZ.

Em reunião com a prefeita, vereadores e integrantes da Causa Animal, nesta terça-feira, foram  levantadas duas propostas consideradas viáveis pelo governo para retomar o uso do trailler. “Uma delas é que uma das clínicas veterinárias credenciadas pela Semma faça a castração dos animais no Castramóvel. A outra possibilidade é a Saúde ceder a mão de obra, com dois médicos veterinários e auxiliares, e a Semma custear os materiais e insumos necessários”, divulgou a Prefeitura. Na próxima sexta (23/04), uma audiência pública discute o assunto. 

APREENSÃO

A Prefeitura de Bauru assinou termo de parceria para receber 200 aparelhos de telefone celular produto de apreensão das ações da Receita Federal. Os aparelhos serão destinados para uso de jovens em situação de vulnerabilidade social, informa a administração.

O acordo permite a doação com repasse dos itens para a Sebes. O Juizado da Infância e do Adolescente e a Promotoria Estadual acompanharão os procedimentos. Haverá, conforme o governo, informações como a relação de beneficiados (adolescentes e jovens entre 12 e 21 anos em situação de vulnerabilidade social).

PELAS CARRETAS

Durante a discussão inicial da proposta de instalar transbordo para o lixo doméstico no Aterro Sanitário, para reduzir a despesa da Emdurb no setor, foi mencionado que a Receita Federal teria duas carretas, produto de ações de fiscalização. O governo iria solicitar a transferência dos veículos para viabilizar a proposta de transbordo… Está registrado!

BOLETIM COVID 

A Secretaria Municipal de Saúde divulgou o registro de 8 mortes (ocorridas nos dias 16, 18 e 20 de abril). Os óbitos vão a 702 casos na cidade, com 66 bauruenses entre os que foram atendidos no PS sem conseguir leito UTI.

A lotação continua em colapso técnico, com 100% das vagas UTIs ofertadas pelo Estado na cidade ocupadas pra casos graves Covid (60 no HE e 10 no HC), conforme o boletim. Na região, a ocupação total é de 233 leitos (para 236 existentes) nos hospitais públicos de Bauru, Jaú, Lins, Botucatu, Avaré e Promissão (área da DRS-6).

VACINAÇÃO E 100 MIL DOSES

Neste feriado (21 de abril) as Unidades de Saúde vão vacinar para proteção contra a Covid. Quem fez o agendamento e tem a partir de 65 anos pode comparecer!

Bauru atingiu 100 mil doses aplicadas contra a Covid. São 62.728 da primeira dose e 37.273 da segunda.

O governo informa que o número foi atingido com a aplicação de 3.308 vacinas nesta terça-feira, sendo 2.246 de primeira dose, e 1.062 de segunda dose. Do total já aplicado nestes três meses, são 62.728 vacinas de primeira dose, e 37.273 de segunda dose.

Isso significa que 59,4% das pessoas que tomaram a primeira dose também receberam a dose de reforço. Até o momento, receberam a vacina os profissionais da saúde, idosos – por enquanto todos com 65 anos ou mais podem tomar a vacina, profissionais da segurança pública, indígenas e profissionais da educação básica com 47 anos ou mais.

LENÇÓIS PAULISTA

Os estoques de drogas utilizadas para internação estão estabilizados, com capacidade para 10 dias, neste momento em Lençóis Paulista, conforme a administração local.

Na Covid, a prefeitura instituiu a cota gás (1.700 botijões distribuídos) e distribuiu 4.000 cestas básicas neste ano. Até março, Bauru tinha registro de 5.055 cestas (para mais de 10 mil famílias cadastradas na Sebes)….

Outros pontos relevantes: Lençóis conta com 20 UTIs Covid credenciadas (pelo Município) e 50 enfermarias. E lá a testagem em massa é realizada. São 550 por 1.000 habitantes no registro… Em Bauru, a medida de monitoramento foi abandonada ainda antes do final do ano passado…

FRENTE MUNICIPAL

11 vereadores formaram a primeira Frente Parlamentar local, com assinaturas contra a concessão dos serviços realizados pelo DAE. O tema está na lista de estudos anunciada, há poucos dias, pela prefeita Suéllen Rosim (Patriota), para propostas de concessão. Nos bastidores, a leitura foi de que Suéllen inseriu o DAE como “recado” ao funcionalismo.

Conforme nota enviada pela assessoria de imprensa do Legislativo, integram o grupo os vereadores Estela Almagro (PT), Markinho Souza (PSDB), Guilherme Berriel (MDB), Julio Cesar (PP), Eduardo Borgo (PSL), Pastor Bira (Podemos), Pastor Edson Miguel (Republicanos), Junior Rodrigues (PSD), Beto Móveis (Cidadania), Junior Lokadora (PP) e Luiz Carlos Bastazini (PTB).

MATERIAL DE CAÇAMBA

Reunião entre representantes da Associação de Resíduos da Construção Civil e de diferentes áreas da Prefeitura (como Semma, Jurídico e Obras), discutiram em reunião na Comissão de Justiça os entraves para o processamento e destino de materiais recolhidos por caçambas no Município.

Além da regularização do local de destino, foram elencadas dificuldades como estrutura para processamento e utilização pela Prefeitura. Mas a população, de forma irregular, não joga só resíduos de construção nas caçambas. Apostar em reedução exige plano, esforço de dentro e fora do governo. Enquanto isso, alguém tem de separar o material…

O custo do serviço de caçamba foi às alturas, há alguns anos, com o discurso embutido de que os materiais de construção passariam a ter destino correto e processamento… ficou nisso!

VOTO CONTRA

O deputado federal Rodrigo Agostinho retornou para informar que votou contra a proposta Orçamentária deste ano (cheia de ilegalidades inseridas por deputados oportunistas que enfiaram emendas para usar em seus currais eleitorais, sem receita que sustente essas despesas). O rombo fiscal foi ainda mais escancarado…

Na semana passada, leitores do CONTRAPONTO também pediram justificativa do deputado contra o projeto para que a iniciativa privada possa comprar vacinas Covid. Em síntese, Agostinho posiciona que é contra o “fura fila” por quem tem condições de comprar. Ele defende que o empresariado possa comprar, desde que entregue todo o estoque ao Programa Nacional de Imunização (PNI) para que todos os brasileiros sejam imunizados com isonomia, seguindo a lista das faixas etárias e essenciais.

PAGAMENTO 

A Prefeitura enviou nota informando que a empresa 3S, contratada para o serviço de vigilância nas UPAs, entregou documentação e está tendo faturada paga. Uma costura, com análise pelo Jurídico, tenta garantir que esses recursos sejam direcionados para pagar os trabalhadores (que estão com salários em atraso)…

COMPRAS DA EDUCAÇÃO

A Secretaria Municipal de Educação vai entregar 475 computadores e 217 notebooks para escolas da rede, além de outrosw 35 tablets para as 16 unidades do ensino fundamental. O anúncio foi feito pela secretária Ana Kobayashi em audiência pública da Comissão de Tecnologia do Legislativo, transmitida na tarde desta terça-feira.

Conforme a secretária, está em andamento a troca de internet por rádio por fibra ótica e será aberta licitação para comprar planos com capacidade de 10 Gb por mês para cada matriculado, com 15.500 chips (4G). A previsão para esta etapa é setembro. A plataforma de ensino Moodie também está no pacote.

CONTROLE DE MATRÍCULAS  

Quem faz o controle das matrículas em Bauru? A Secretaria de Educação informou que no ensino infantil as solicitações (inclusões, retiradas e transferências) são realizadas pela própria pasta, via Central de Vagas. O ensino fundamental funciona na plataforma gerenciada pelo Estado, que disponibiliza o acesso á Prefeitura.

DESDE A INFÂNCIA

A secretária Ana Kobayashi fez citação pessoal na apresentação para identificar seu apreço  pela tecnologia desde a infância. Ela contou que a avó ouvia muito rádio e ela, desde criança, queria “montar e desmontar”.

Bem humorada, ela falou do uso de neologismo (tombamento do patrimônio), citou “logo de cara” que o homo sapiens é adepto da inovação desde os primórdios (ao esfregar pedras sobre gravetos e descobrir o fogo). E também cutucou: “não liguem para pedir ou perguntar sobre vagas. Tudo é realizado pelo sistema, seguindo as inscrições”…

ANTICORPOS MONOCLONAIS

O anúncio de que a Anvisa autorizou o uso emergencial do coquetel (combinação de anticorpos monoclonais) para pacientes hospitalizados, apenas para casos leves e moderados, como busca de controle do avanço da Covid para sintomas graves gerou otimismo popular.

É natural! A sequência de conteúdos negativos (infelizmente próprios de pandemia) é tal que leitores pedem a publicação de notícias boas. Compreendemos, mas está difícil! Não há como não prestar o serviço dos fatos.

Segundo o especialista, doutor em infectologia Alexandre Naime Barbosa, os resultados preliminares na fase 2 divulgados em fevereiro apontaram eficácia em torno de 70% para pacientes ‘não hospitalizados’. “Ou seja, uma medicação para ser adotada no início da doença, para pacientes que tenham quadro para alto risco de evoluir para a fase pulmonar da doença. Agora aguarda-se a fase 3”, mencionou.

COQUETEL

Como toda fase de testes, agora é preciso aguardar o andamento dos testes. Caso o uso do coquetel evolua no tratamento Covid, um obstáculo para uso é o preço (3 mil dólares a aplicação). Um detalhe: esses medicamentos não são vendidos em farmácia.

Ouça avaliação do infectologista, diretor do HC Unesp, Alexandre Naime Barbosa, obtida para o CONTRAPONTO: https://soundcloud.com/nelson-4-1/alexandre-naime-barbosa-doutor-em-infectologia-fala-do-uso-do-coquetel-para-covid  

 

1 comentário em “N. 139 Bauru atinge total de 100 mil doses contra Covid e Prefeitura acena com retomada do Castramóvel”

  1. Lamentável ver o número de vereadores tentando barrar qualquer projeto de diminuição do estado

    Seria um grande avanço passar o DAE para a iniciativa privada

    Importante guardar os nomes dos 11 integrantes dessa comissão para entender que não estão ao lado da população.. mas sim do lado do corporativismo, do aumento do estado .. do cabidao do DAE!

    E a população sem água!

    Já gravei os nomes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima