COLUNA CANDEEIRO 25092020 NELSON ITABERÁ

N. 217 Suéllen diz que não vai pagar shows da Expo, Parada e gastos das escolas no Sambódromo em 2022

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

N. 217 Suéllen diz que não vai pagar shows da Expo, Parada e gastos das escolas no Sambódromo em 2022

 

PRAS ESCOLAS NÃO

A prefeita Suéllen Rosim confirmou que sua gestão garante o investimento na estrutura (palco, limpeza, aluguel de som, horas de funcionários – como agentes de trânsito, mas NÃO VAI REPASSAR RECURSOS PARA AS ESCOLAS DE SAMBA montarem fantasias e carros alegóricos para o desfile em 2022.

NOTA OFICIAL 

Em nota oficial para elucidar questões apresentadas pelo CONTRAPONTO, o governo Suéllen Rosim respondeu:

“A Secretaria de Cultura participou de reunião na Câmara Municipal nesta quarta-feira (6), com a Comissão de Cultura e Esporte da Casa de Leis, para discutir o apoio do município a eventos culturais em 2022. A pasta vai destinar mais de R$ 1 milhão para a difusão cultural, voltada a eventos das mais diversas áreas. Também serão investidos recursos para a melhoria da estrutura de espaços públicos da Cultura, como o Teatro Municipal”.

SHOWS E DESFILES

Mas, continua a nota, “”eventos de maior porte contarão com o apoio estrutural da Secretaria de Cultura para a realização, como palcos, caminhão de som e profissionais. Apenas para o Carnaval, por exemplo, estão reservados R$ 350 mil para a estrutura necessária, como organização e sistema de som”.

Porém: “Já a viabilização dos eventos, como a contratação de artistas, deve ser feita pelos organizadores nos eventos maiores, cabendo ao município colaborar com toda a estrutura necessária para a realização, o que também deve ser feito em outros eventos que contam com o apoio da Secretaria de Cultura em Bauru”. A posição, segundo a administração vale para todos os eventos, como Parada da Diversidade, Expo e Desfiles no Sambódromo.

RECURSOS

Não destinar verbas para subvencionar shows e eventos não significa que o governo Suéllen vá aumentar recursos para ações culturais, com descentralização. Ao contrário. A proposta apresentada (difusão cultural) traz valor bem inferior ao que já havia sido programado para este ano (e que  já teve cortes). Eram R$ 1,9 milhão. Agora é R4 1 milhão.

SEM LICITAR

Até aqui, não procede a informação da presidência da Emdurb de que já está ocorrendo LICITAÇÃO (como manda a lei, o figuro, com disputa, envelope fechado das propostas e publicação de edital, para disputa aberta) para o serviço dos Ecopontos.

Até agora, a administração está realizando cotação de preços entre interessados. Mas a Emdurb continuaria com a prerrogativa de apresentar menor valor (depois de conhecer a proposta dos “adversários”). A medida não resolve os problemas da empresa (déficits). É privilégio esse formato, com apontamento de irregularidade (no procedimento) pelo Tribunal de Contas.

PALANQUE

O que seria o depoimento da prefeita, na CEI da Fersb, na verdade virou discurso…. Pouco de conteúdo técnico, quase nada de propositivo, um desliza e escapa de respostas que cabe em manual de jornalistas habituados com indagações, como a prefeita… É preciso descer do palanque eleitoral! Já deu!

NOROESTE

A prefeitura mostrou desconforto além do normal para confirmar a INTERDIÇÃO do estádio Alfredo de Castilho. Buscou apoio na recomendação do MP… (que é órgão de fiscalização e não de consultoria do Executivo)…. enviou nota dizendo que está “tentando de todas as formas depurar, ajustar”… etc. etc…

Em matéria de descumprir AVCB dos Bombeiros, hospital, escolas, hotel, lojas do comércio e até a Prefeitura (Palácio das Cerejeiras) tem de ser interditado… ! São muitos, inúmeros, imóveis sem AVCB. públicos e privados!

ZONEAMENTO

Acaba hoje o prazo (no site da Prefeitura) para o bauruense propor mudanças ou regras na nova lei de zoneamento…. A maioria (esmagadora) da população não sabe o que está em questão….. (esperado)…! infelizmente!

 

1 comentário em “N. 217 Suéllen diz que não vai pagar shows da Expo, Parada e gastos das escolas no Sambódromo em 2022”

  1. Rodrigo Cabello da Silva

    Gostei. Vai garantir a infraestrutura pros eventos, mas quem quiser fazer os mesmos, arrecade recursos para suas realizações.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima