Saiba quais são as características da previdência privada

Facebook
WhatsApp
LinkedIn

Explicamos, em nossa última coluna o que é uma previdência privada. Agora, temos que entender quais são as escolhas que você deve fazer, caso decida ter uma previdência privada.

Na previdência privada, o investidor tem a vantagem de escolher as características do seu plano. São elas:

  • Qual o plano? VGBL ou PGBL?
  • Qual a tributação? Progressiva ou Regressiva?
  • Qual fundo investir?

Cada uma tem suas próprias vantagens e desvantagens. Vamos entendê-las de uma maneira geral:

 

O plano de previdência

Como visto, temos dois planos de previdência, VGBL (Vida Gerador de Benefício Livre) e o PGBL (Plano Gerador de Benefício Livre). A grande diferença é a tributação. Enquanto no VGBL a tributação é sobre o lucro, o PGBL a tributação é sobre todo o capital, mas em compensação permitirá restituir uma parte do IR que você pagou durante o ano (e é como aproveitar esta característica que falaremos em nossa próxima postagem).

 

A tributação

O leão também está presente na previdência privada, e é possível que o investidor escolha qual tabela que ele deseja.

A tabela regressiva, auxilia o investidor cujo prazo de investimento é maior, visto que o imposto vai diminuindo a medida que o tempo vai passando, chegando a 10% em 10 anos.

Já a tabela progressiva funciona de tal maneira que o imposto dependerá do montante de dinheiro que será resgatado do investimento.

 

O fundo de investimento

A ideia de que a previdência tem que ser conservadora é coisa do passado. Existem diversos produtos que buscam rentabilidades agressivas na previdência. É claro, tudo é uma questão de perfil, prazo e objetivo. Essa talvez seja a escolha mais difícil.

É possível escolher entre os diversos níveis de riscos, indo desde um fundo de renda fixa com baixa oscilação a um fundo de ações com grande volatilidade.

 

Feitas estas três escolhas, a previdência tende a ser um ótimo investimento para longo prazo, mas esses pontos que citamos são essenciais para aproveitar todos os benefícios dela. Em nossas próximas postagens, vamos explicar com mais detalhes cada um destes fatores de decisão. Vamos juntos? Até!

 

 

4 comentários em “Saiba quais são as características da previdência privada”

  1. Acredito que deveria fazer um alerta para as taxas cobradas. E quanto isso impactará no rendimento futuro desse plano.
    Com as renda fixas com rendimentos baixos e com essas tarifas, alguns planos rendem abaixo da Poupança.

    1. Bom dia, Leandro!

      As taxas realmente influenciam bastante! Nosso intuito é orientar o investidor a seguir o melhor caminho.
      Nas próximos publicações, iremos comentar sobre taxas de administração dos fundos e algumas taxas extras que os bancos cobras.

      Obrigado pelo comentário e agregar com uma boa pergunta!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima